Início > Uncategorized > REAPRENDAMOS A NADAR COMPANHEIROS!

REAPRENDAMOS A NADAR COMPANHEIROS!

Ao longo de 35 anos temos vindo a ser defraudados consecutivamente no que respeita às conquistas adquiridas com a revolução de 25 de Abril, bem assim como ao rumo dado ao país por sucessivos (des)governos que apenas têm cada vez mais desbaratado os direitos dos trabalhadores e criado injustiça e degradação social, cavando um crescente e profundo fosso que separa os mais ricos dos mais pobres.
Não se trata de retórica e demagogia, os números reais do país real falam por si: os desempregados e os trabalhadores em situação precária aumentam todos os dias e as empresas falem (fraudelentamente ou não) em série; a Justiça funciona deficitariamente ou simplesmente não funciona, pelo menos para os mais desfavorecidos e carenciados que não têm recursos para contratar bons advogados; o sistema de saúde está podre, bastando entrar num centro de saúde para se perceber as condições precárias que estão à disposição dos utentes; o sistema educativo sofre contestação por parte de alunos e professores como nunca havia existido neste país; a corrupção, o compadrio, o lóbi e o lambe-botismo continuam em franco crescimento num país tradicionalmente permissivo a estes cancros sociais.
Por tudo isto e muito mais, e como o caminho que nos têm levado a seguir não é sistema, solução ou via para uma alteração profunda de mentalidades e políticas que visem uma maior justiça social, igualdade, solidariedade e desenvolvimento, é chegada a hora de dizer basta!
A hora é de união do POVO, que é e será sempre soberano, e de uma tomada de posição que possa repor um caminho diferente ao que temos vindo a seguir, tomando nas nossas mãos o direito e o dever de transformar esta sociedade em algo mais humano e justo que não a podridão neo-liberal em que estamos atolados.
A decisão é de todos, hoje!

# Marreta

Anúncios
Categorias:Uncategorized
  1. 27 Março, 2009 às 12:22 pm

    MARÉ ALTA para os nossos sonhos.
    Para que possamos viver num país mais digno.
    MARÉ ALTA para a indignação.
    Denunciemos os crapulas.
    MARÉ ALTA para a democracia.
    Por uma sociedade para os cidadãos.

    Um abraço revolucionário

  2. Manuel Baptista
    27 Março, 2009 às 4:03 pm

    Reitero o meu convite para organizarmos de um encontro destinado a discutir-se as vias de concretização de acções, de iniciativas concretas, colectivas… Tinha adiantado de 24 de Abril, como hipótese.
    Já agora, podem explicar porque não colocaram a minha «Reflexão Política» como artigo?

  3. libertario08
    27 Março, 2009 às 9:51 pm

    A nadar e a lutar com objectividade e coragem e não com a retórica palaciana dos últimos anos.

    Abraço

    # ferroadas

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: